A mexicana Hildebrando acaba de abrir uma subsidiária no Brasil. A operação, localizada no Rio de Janeiro, começa 130 profissionais e uma carteira de clientes formada por nomes como Cadburry, Deloitte, DHL, IBM e HSBC.

A curto prazo, a meta é estar entre as dez maiores empresas locais de serviços de TI, segundo o diretor da unidade brasileira, Mário Rachid.

No país, a companhia irá oferecer serviços como consultoria de TI, desenvolvimento e integração de sistemas, fábrica de software e projetos.

“Estamos de olho no mercado latino-americano de nosso segmento, que movimenta US$ 25,7 bilhões por ano. Investir no Brasil reforça nossa estratégia de expansão internacional”, afirma o executivo.

Já o presidente mundial da Hildebrando, Diego H. Zavalla, destaca que, em breve, a meta é estabelecer outras unidades no país. Os locais ainda não foram definidos.

Com dez escritórios em sete países - México, Guatemala, Panamá, Peru, Espanha Estados Unidos e Brasil -, a empresa possui mais de 80 clientes e quatro mil colaboradores.

É a maior empresa de TI do México, entre as mexicanas, e a terceira do ranking da América Latina no ranking de provedores de serviços de TI e Outsourcing, segundo a lista Global Services 100.