A KLM, companhia aérea com atuação nos Países Baixos, adotou a solução Amadeus Ancillary Services para gerenciar a venda de serviços complementares.

A companhia soma-se a outras 16 aéreas que já utilizam a solução, implantada em mercados como França e países escandinavo para gestão de vendas pela Internet ou por agências de viagens tradicionais.

No caso da KLM, o software permite oferecer a agências de viagens usuárias do sistema da Amadeus a opção de reserva automática de passagens Economy Comfort.

Isso evita, por exemplo, a necessidade de reserva dos serviços complementares por meio de várias interfaces de venda, explica David Doctor, diretor de Airline e Distribuição para Agências de Viagens da Amadeus.

O sistema apresenta todos os serviços disponíveis em uma mesma tela e permite ao agente selecionar o que pretende reservar.

Com isso, os agentes podem adaptar suas ofertas aos clientes, disponibilizando para cada perfil as soluções mais condizentes, o que reforça sua atuação como consultores de viagens.

“O Amadeus Ancillary Services permite às companhias aéreas mostrar, reservar, tarifar e pagar seus serviços complementares por meio de todos os canais, de acordo com os padrões tecnológicos da indústria”, detalha Doctor.

Especializada em soluções para os mercados de viagens e turismo, a Amadeus atende a clientes que incluem companhias aéreas, hotéis, locadoras de carros, empresas de transporte ferroviário, linhas de ferry-boat e outros.

O grupo opera sob um modelo de negócios transacional e, em 2010, processou mais de 850 milhões de transações de viagens faturáveis.

Com sedes centrais em Madri (administrativo e de marketing), Nice (desenvolvimento) e Erding (operações e data center), a companhia também mantém escritórios em Miami, Buenos Aires, Bangkok e Dubai.

A empresa também conta com 73 operações comerciais, que cobrem 195 países.

No Brasil, o escritório da Amadeus está entre as dez maiores operações da empresa no mundo.

No ano fiscal terminado em 31 de dezembro de 2010, a companhia apresentou receita de € 2,683 billhões, empregando uma equipe total de 10.270 pessoas de 123 nacionalidades.

Já no trimestre encerrado em 31 de março de 2011, a Amadeus IT Holding reportou receita de € 704,3 milhões, crescimento de 2,8% ano/ano.