A Synchro, especializada em soluções de inteligência fiscal e tributária, lança o Validador de CNPJ, ferramenta integrada à Nota Fiscal Eletrônica que verifica se o destinatário não possui restrições em sua Inscrição Estadual.

Para isso, no momento da emissão da NF-e a solução realiza uma consulta cadastral automática via webservices nos bancos de dados das Secretarias da Fazenda.

“No início da emissão da NF-e, um dos motivos pelos quais o documento seria rejeitado era o destinatário ter alguma restrição e, de acordo com a lei, não poder estar operando. Nestes casos, empresas que muitas vezes já estavam com caminhões carregados precisavam abandonar a venda e desfazer tudo”, avalia Flávio Pitta, consultor de Pré-vendas da Synchro.

Conforme o executivo, a nova oferta da companhia previne a ocorrência deste tipo de situação.

Ainda segundo o consultor, a ideia da ferramenta é possibilitar não só análises no momento em que é registrado o pedido, a fim de prevenir eventuais conflitos na hora da efetiva emissão da nota, mas também viabilizar consultas periódicas sobre o cadastro de clientes já atendidos.

 “Com isso, a solução também permite que o contribuinte possa tomar uma determinada ação comercial ou até mesmo entrar em contato com o destinatário para regularizar esta situação”, explica Pitta.

Especializada em soluções tributárias e fiscais, a Synchro oferece ferramentas para SPED Fiscal e Contábil, NF-e, Ciap e CT-e.

A empresa atende a mais de 350 grupos econômicos, 14 mil usuários e 44 mil estabelecimentos de diversos segmentos.

Com operações em São Paulo, Rio de Janeiro, Curitiba e Recife; além de um centro de desenvolvimento em Campinas, a Synchro emprega 300 colaboradores e, para 2011, projeta um crescimento de 30%.