A seguradora SulAmérica Saúde firmou uma parceria com a integradora Orizon para o lançamento de uma solução voltada à digitalização e transmissão eletrônica de documentos assinados digitalmente.

O sistema se integra aos ERPs utilizados por prestadores de serviços de saúde, como hospitais, clínicas, laboratórios e operadoras de planos, contando com certificação digital desenvolvida pela seguradora.

“A tecnologia permite o trânsito seguro e ágil de informações eletrônicas, além de trazer economia de recursos naturais”, afirma o diretor de

Operações da SulAmérica, Marco Antunes. “A iniciativa agiliza o pagamento aos prestadores, reduz erros e custos com armazenamento de documentos”, complementa.

O novo serviço também permite a indexação de imagens e o envio direto à SulAmérica.

“Para a prestação de contas certificadas, o prestador deve encaminhar alguns documentos digitalizados. Com esta ferramenta, ele não precisa mais se preocupar com esta etapa, que antes ainda dependia do papel, e nós recebemos os arquivos no mesmo instante”, explica o executivo.

Ainda conforme Antunes, o novo processo traz economia de tempo: tradicionalmente, o prazo de retorno previsto contratualmente para pagamentos é de 30 dias úteis, mas com o software pode cair para até cinco dias.

Por enquanto, a iniciativa passa por um projeto piloto, com duração de dois meses, envolvendo a Medical Systems, especialista no desenvolvimento de soluções para a área  de saúde, e o Centro de Medicina Diagnóstica Ecoimagem.

De acordo com o diretor executivo da Medical Systems, Roberto Ribeiro da Cruz, o software já demonstrou benefícios como a autorização online e o faturamento digital, o que reduziu o tempo de atendimento e faturamento.

“Isso melhora processos operacionais e agrega transparência na relação prestador-operadora”, afirma ele.

Já o coordenador Financeiro da Ecoimagem, José Ronaldo Azevedo, destaca a segurança trazida pela ferramenta ao processo de transmissão de documentos.

“O papel está sujeito a extravio. Com o software, isso não ocorre. Além disso, os custos com impressão e transporte também são bastante reduzidos na SulAmérica, por exemplo, o gasto com papel deve cair 25%”, finaliza Azevedo.

De acordo com o diretor de Operações da SulAmérica, a companhia foi a primeira do setor a implantar, em dezembro de 2008, a certificação digital na troca de documentos eletrônicos entre os prestadores (médicos, hospitais, empresas de diagnóstico, entre outros) e seguradora.

Antes da implantação da certificação digital, a seguradora usava quase 17 milhões de documentos em papel na prestação de contas médicas.

“Com a certificação, as transações eletrônicas já economizaram mais de 21 toneladas de papéis”, finaliza Antunes.

A SulAmérica atua nos segmentos de seguros, previdência e investimentos.

Com mais de seis milhões de clientes, a empresa está dividida em cinco unidades de negócios: Saúde, Automóvel e Massificados, Riscos Industriais e Comerciais, Pessoas (Vida e Acidentes Pessoais) e  Previdência Privada e Gestão de Ativos.

Já a Orizon é uma integradora de serviços que atua nos mercados de seguros e benefícios, com foco em soluções de gestão, modelagem da automação e operação de processos, gerenciamento de benefícios e serviços de inteligência.

Só no mercado de saúde, a carteira da empresa soma cerca de 170 clientes e 19 milhões de beneficiários em todo o país, resultando em mais de 100 milhões de transações anuais, com uma base 126 mil prestadores credenciados.