Um grupo de 23 voluntários do OpenOffice.org anunciou nesta terça-feira, 28, a sua saída da iniciativa e a criação de uma nova comunidade para desenvolvimento de uma suíte de aplicativos para escritório open source, a LibreOffice.

A movimentação, da qual faz parte do projeto brasileiro BrOffice.org é uma reação à compra pela Oracle da Sun, até principal patrocinadora da iniciativa pelos últimos 10 anos.

Canonical, Google, Novell, Red Hat e Open Source Initiative anunciaram apoio ao The Document Foundation que vai gerenciar o desenvolvimento do LibreOffice.

De acordo com a nota divulgada, a Oracle, que permaneceu com os ativos do OpenOffice.org foi convidada a participar da nova fundação e a doar a marca para a comunidade.

Uma versão beta, baseada no OpenOffice.org 3.3, com alguns acréscimos, já está disponível para download no site da LibreOffice.

“Nosso país já possui importantes investimentos no open document format e nas ferramentas de software que o suportam. Apoiamos a The Document Foundation em sua missão e visão e estamos prontos para juntar forças ao processo de desenvolvimento do LibreOffice e BrOffice.org”, afirma Claudio Ferreira Filho, coordenador geral da BrOffice.org, Claudio Ferreira Filho.