As maiores operadoras de telecomunicações do Brasil estão oferecendo o link para um site que mede a velocidade da internet oferecida por elas.

O serviço cumpre uma determinação da Anatel.

Nos sites, os usuários terão acesso ao programa Speedtest, escolhido pela Anatel na última terça-feira, 28. Entram nos critérios para oferta da ferramenta as empresas com mais de 50 mil acessos, atingindo Oi, Net, Telefônica, GVT, CTBC Telecom, Embratel, Sercomtel e Cabo Telecom.

Pelas regras, o link para o programa de medição da velocidade deve estar na página inicial do site ou na página de venda de internet.

As operadoras também já estão cumprindo a exigência de disponibilizar, em seu portal, uma cartilha elaborada pela Anatel que explica o funcionamento e as finalidades do software de medição de velocidade, informa a Agência Brasil.

Atualmente, a velocidade que é entregue aos usuários fica em torno de 10% do que é contratado.

A partir de outubro, no entanto, a velocidade instantânea da conexão não pode ser menor do que 20% do que for contratado em 95% das medições.

Esse percentual vai passar para 30% depois de um ano e para 40% no ano seguinte.

Também haverá exigência de que as empresas entreguem uma média mensal de pelo menos 60% da velocidade contratada. Esse percentual vai aumentar para 70% em 2013 e para 80% em 2014.