Tamanho da fonte: -A+A

A Nokia lança no mercado brasileiro o N900, smartphone que roda o Maemo 5, sistema operacional de código aberto e baseado em Linux.
 
O aparelho estará disponível no mercado brasileiro a partir da segunda quinzena de agosto com um preço estimado de R$ 1.999. A versão vendida no Brasil virá com o idioma em português de Portugal.

Com tela sensível ao toque de 3,5 polegadas, teclado QWERTY físico deslizante, é o primeiro aparelho da Nokia sem botões na parte frontal.

O dispositivo conta com processador com chip ARM Cortex-A8 de 600 MHz, 1 GB de memória e 32 GB de espaço (expansíveis para até 48GB), câmera de 5 megapixels com lente Carl Zeiss e flash LED.

Uma parceria com a Mozilla integra ao N900 a tecnologia WebGL, que permite a visualização em 3D de itens na tela do aparelho.
 
“O Nokia N900 mostra nosso trabalho de parceria com o Instituto Nokia de Tecnologia (INdT), referência entre a comunidade de desenvolvedores Maemo. Estamos unindo funcionalidades de computador e celular em apenas um produto”, elogia Almir Luiz Narcizo, presidente da Nokia do Brasil.