Um novo contrato com a Unimed Belo Horizonte é o mais recente passo do data center Ativas na conquista de participação no segmento médico.

A empresa do Grupo Asamar e CEMIGTelecom ampliou o acordo com a cooperativa médica mineira para o outsourcing de infraestrutura e agora se torna o principal fornecedor de infraestrutura, gerindo a base tecnológica da cooperativa.

Não foram revelados os valores do novo contrato.

Segundo o superintendente de TI e novos Negócios da Unimed-BH, Alexandre Flores, o acordo permitirá à cooperativa se concentrar mais no seu “core business”.

“Maior disponibilidade dos nossos sistemas, segurança, escalabilidade, agilidade, gestão e inovação vão nos permitir focar melhor nos nossos negócios”, destaca Flores.

Outsourcing full
Na Unimed-BH, o atendimento da Ativas começou gradualmente, com a terceirização da infraestrutura tecnológica do hospital da cooperativa, e foi crescendo “para um outsourcing full”.

Assim, serviços de infraestrutura, hardware, software, monitoramento e Service Desk são cobertos.

“Inclusive, quando há algum tipo de problema ou ocorrência técnica, o usuário da Unimed-BH liga para um ramal que cai na Ativas”, explica Mara Speleta, gerente de Outsourcing & Delivery da Ativas.

O Ativas também possui contratos que subsidiam recursos tecnológicos para os serviços próprios da Unimed-BH, que são os novos hospitais, clínicas e consultórios da cooperativa.

Saúde na mira
Inaugurado no ano passado em Belo Horizonte, o data center Tier III é a base da estratégia da Ativas para crescer entre clientes do segmento de saúde, finanças e utilities, que, segundo Alex Lara, diretor de Negócios e Marketing da Ativas, têm exigências fortes de compliance.

Na construção foram investidos R$ 50 milhões. A expectativa de faturamento é de R$ 200 milhões anuais, a partir de 2014.

À época da inauguração, Lara disse que disputaria preferencialmente clientes médios e grandes com faturamento acima de R$ 50 milhões.

Em 17 de fevereiro, a empresa anunciou a contatação pela Unimed-Rio para executar em seu data center o ERP hospitalar WPD, a solução de gestão empresarial MXM e sistemas de imagem para as unidades de pronto-atendimento da rede especializada em planos de saúde.

No ano de 2009, a Unimed faturou nacionalmente R$ 57 milhões.

R$ 40 milhões em 2011
Com sede na capital mineira, o Ativas projeta fechar 2011 com uma receita de R$ 40 milhões.

A carteira de clientes já conquistados permite à Ativas programar a contratação de cerca de 120 novos colaboradores, dobrando ao longo do ano seu quadro de profissionais.

Entre os planos para o ano, também está a consolidação de operações em  Minas Gerais e São Paulo, além de estruturar as filiais do Rio de Janeiro e no Paraná.

Hoje, a empresa possui em sua carteira nomes como Brasif, Ferrous, Hermes Pardini, Unimed-BH, Unimed-RJ, Forluz e INDG, entre outros.