Zero Hora no iPad

Tamanho da fonte: -A+A

Na mesma semana em que chegou ao mercado o primeiro jornal exclusivamente para o iPad, chamado The Daily e produzido pela News Corp, o periódico gaúcho Zero Hora deu as caras no tablet da Apple.

Não se trata do primeiro no Brasil, nem do primeiro no Rio Grande do Sul. Em nível nacional, Folha de S. Paulo, Estado de S. Paulo e O Globo já tinham seus downloads na App Store.

Localmente, o jornal O Caxiense, da Serra Gaúcha, também chegou antes, no final de janeiro.

Ainda assim, é o jornal de maior circulação do estado, mantendo suas apostas em novas plataformas – cabe lembrar que o Zero Hora foi o segundo jornal no Brasil a utilizar o Kindle, em dezembro de 2009.

Em um encarte de capa, Zero Hora explica os princípios básicos de funcionamento. Os conteúdos acessados são os mesmos disponíveis na versão online do jornal: notícias de Zero Hora impressa e de ZH.com, atualizada 24 horas por dia.

Além disso, estão disponíveis as últimas 30 edições do jornal na íntegra, incluindo cadernos e classificados. Quem assina o aplicativo é a Pontomobi Mobile Powerhouse.

Segundo o encarte, o App é gratuito e pode ser experimentado por tempo limitado. Preço e período de experiência ainda não foram definidos.

Após alguns anos com o conteúdo replicado aberto na internet, Zero Hora passou a cobrar, em setembro do ano passado, pelo acesso à sua edição online, podendo ser feita por um, três, seis ou 12 meses por R$ 27,90, R$ 74,70, R$ 149,40 e R$ 298,80, respectivamente.

A assinatura mensal com renovação automática sai por R$ 24,90.

Caxiense largou na frente
Nas rotativas, a concorrência clássica de Zero Hora seria com o jornal Correio do Povo, atualmente pertencente ao Grupo Record. Nos gadgets, porém, o grupo tem um pretenso rival de proporções menores, mas bastante atento às novas tecnologias.

O jornal O Caxiense, de cinco mil exemplares semanais, largou na frente no iPhone, no iPad e, provavelmente, em algumas plataformas sociais – já que a redação localizada em Caxias do Sul usa 11 sites de relacionamento e ferramentas online na sua estratégia web.

No iPad, O Caxiense estreou no dia 28 de janeiro, com um aplicativo gratuito desenvolvido pela Flip Studio, mesma empresa que criou o app de iPhone do jornal.