Tamanho da fonte: -A+A

A Escola da Magistratura do Rio de Janeiro (EMERJ) está finalizando a implementação de um sistema de videoconferência Full HD para educação a distância (EAD). A empresa responsável pelo projeto é a Seal Telecom. Serão criadas telessalas em todo o interior do Estado.

Foram adquiridas 10 soluções de videoconferência Sony XG 80 e uma MCU (Multipoint Control Unit) Scopia Elite 5230 da Radvision para videoconferência Full HD.

A prática do ensino a distância, bem como as videoconferências como forma de integração entre Tribunais e de redução de custos, estão sendo estimuladas em âmbito nacional pelo Conselho Nacional de Justiça.

Segundo o desembargador Manoel Alberto Rebêlo dos Santos a ideia é que, depois de totalmente implantada, a videoconferência reduza o afastamento dos juízes de suas comarcas.

 "Quando um juiz se afasta para uma atividade de capacitação, a as atividades jurisdicionais podem ser prejudicadas”, ressalta o desembargador.

Fundada em 1999, a Seal Telecom é especializada na implantação e dimensionamento de sistemas convergentes para comunicação presencial e a distância. As soluções da companhia estão implantadas em mais de duas mil empresas em todo o Brasil.