A empresa de pagamentos on-line PayPal e a Vivo se uniram na criação de um novo sistema de pagamentos via celular e apostam no Brasil como base para sua popularização.

Os 58,4 milhões de clientes da Vivo poderão abrir contas no PayPal diretamente pelo celular, cadastrar seus cartões de crédito e fazer compras trocando mensagens de texto, ainda no primeiro semestre de 2011.

O serviço estará disponível em qualquer aparelho GSM ou 3G, com ou sem conexão à internet, e deve começar a ser testado com a compra de créditos entre os clientes pré-pagos, que representam 79% dos usuários da Vivo, informa o vice-presidente de marketing e inovação da operadora, Hugo Janeba.

"Estamos unindo esforços para viabilizar uma solução de pagamento em um sistema que o cliente pré-pago já sabe usar muito bem, que é o SMS”, ressalta Janeba.

O presidente da PayPal no Brasil, Mario Mello, destaca que a experiência inédita servirá como exemplo para a adoção do sistema de pagamento via SMS da empresa em outros países.

O projeto iniciado há três meses envolve o trabalho conjunto de engenheiros da PayPal  e de profissionais da operadora no desenvolvimento de um sistema de pagamentos baseado na troca de códigos e torpedos.

De acordo com Mello, o sistema de segurança ficará a cargo do sistema da PayPal, cujas transações on-line são protegidas e monitoradas por uma equipe antifraude. As informações dos clientes são armazenadas de acordo com critérios internacionais de proteção de dados.

Com mais de 200 milhões de clientes registrados movimentando US$ 87 bilhões em 2009, a empresa espera fechar este ano com 5 milhões de pessoas na nova plataforma em celulares inteligentes como iPhone, da Apple, BlackBerry, da Research In Motion (RIM) e, em breve, modelos com o sistema Android, do Google.

A PayPal espera aumentar o volume transacionado via dispositivos móveis de US$ 141 milhões, em 2009, para mais de US$ 500 milhões no mundo inteiro, em 2010.