GVT e Universal: portal de streaming grátis

11/10/2010 11:57

A GVT prepara o lançamento de um portal dec conteúdo, em parceria com a Universal Music, empresa do grupo Vivendi, que este ano assumiu o controle acionário da tele brasileira.

Atualmente, a operadora está presente em 93 cidades do Sul, Centro-Oeste, Sudeste e Nordeste do país, com cerca de 1 milhão de clientes nas áreas de telefonia e banda larga.

Tamanho da fonte: -A+A

A GVT prepara o lançamento de um portal dec conteúdo, em parceria com a Universal Music, empresa do grupo Vivendi, que este ano assumiu o controle acionário da tele brasileira.

Atualmente, a operadora está presente em 93 cidades do Sul, Centro-Oeste, Sudeste e Nordeste do país, com cerca de 1 milhão de clientes nas áreas de telefonia e banda larga.

Com a nova parceria, a meta é crescer na área de conteúdo. Para isso, o novo portal irá focar streaming de áudio e vídeo, em uma oferta gratuita para os atuais usuários da carteira da emrpesa.

Conforme declarou à reportagem do ComputerWorld o diretor de Marketing e Produtos da GVT, Ricardo Sanfelice, 60% do um milhão de clientes da operadora navegam hoje a velocidades de 10 Mbps ou mais, o que faz do ADSL de alta velocidade da empersa o campeão de vendas do portfólio.

Dentro disso, segundo Sanfelice, a demanda por vídeo e áudio streaming é crescente, maior até do que downloads e uploads de conteúdos multimídia.

Focada neste perfil de consumo, a companhia projeta lançar até o fim do ano o novo portal de conteúdo, que expandirá o leque de ofertas para os clientes de banda larga com itens com shows ao vivo e chats com os artistas.

Além disso, a GVT também auncia investimentos de R$ 300 milhões para disputar o mercado de usuários residenciais da cidade do Rio de Janeiro, onde já atua no segemento empresarial.

A capital de São Paulo também está no foco: a GVT já oferece telefonia fixa para usuários domésticos do estado, mas na cidade a expansão da oferta já exigiu investimentos de cerca de R$ 40 milhões.

Confira a matéria do ComputerWorld na íntegra pelo link relacionado abaixo.

Veja também

GVT: R$ 300 mi para focar residencial no RJ

A GVT vai investir R$ 300 milhões para disputar o mercado de usuários residenciais da cidade do Rio de Janeiro, onde já atua no setor corporativo.

Os serviços para usuários domésticos deverão estar disponíveis até dezembro próximo e, para isso, a operadora já está em fase de implementação da nova rede na capital. Inicialmente, a meta é cobrir 13 bairros, o que soma em torno de 670 mil pessoas.

GVT cresce 41,3% no 2T10

A GVT obteve uma receita líquida de R$ 573,4 milhões no segundo trimestre de 2010, com crescimento de 41,3% em comparação com os resultados apurados no mesmo período do ano passado.

GVT: TV paga em junho de 2011
A GVT lançará sua oferta de televisão por assinatura até junho de 2011.
 
Segundo informações da Computerworld, o serviço será entregue por meio de uma solução híbrida que capta o sinal por satélite e entrega pela internet, por IPTV.
 
GVT tem problemas em Porto Alegre

Diversos clientes da banda larga GVT em Porto Alegre e região metropolitana relataram problemas nas suas conexões de Internet a partir entre as 16h às 16h50 desta quinta-feira, 24.
 
As dificuldades de conexão teriam sido causadas por problemas de DNS e foram relatados também em outras partes do país. Usuários conseguiram navegar normalmente usando o DNS do Google (8.8.8.8/8.8.4.4).
 

GVT: banda larga de até 100 Mbps Passo Fundo

A GVT iniciou a oferta em Passo Fundo de banda larga com velocidades de até 100 Mbps, a partir de R$ 49,90 mensais.

Os serviços estão disponíveis em toda a área de cobertura da GVT na cidade, que corresponde a mais de 50% da área urbana.

GVT: segurança para altas velocidades

A GVT anuncia nesta terça-feira, 18, uma linha de serviços de segurança para os clientes de ultravelocidades de Internet, consideradas pela empresa as conexões de 3 Mbps a 100 Mbps.

Batizado de Protect o pacote é oferecido em três modalidades que vão de R$ 7,90 a R$ 12,90 na versão mais completa que reúne antivírus, anti-invasão e controle de conteúdo para crianças.