A Vivo divulgou lucro líquido de R$ 710,2 milhões no primeiro trimestre, alta de 270% ante o ganho de R$ 192 milhões registrado um ano antes.

Em comunicado, a companhia, controlada pela espanhola Telefónica, afirmou que o resultado reflete “a melhor performance operacional, as menores despesas com depreciação e o melhor resultado financeiro”.

O Ebitda foi de R$ 1,651 bilhão de janeiro a março, acima do registrado em igual etapa de 2010, de R$ 1,274 bilhão. A margem passou de 30,1% para 34,3%.

No trimestre, a maior operadora de telefonia celular do Brasil registrou 62,1 milhões de acessos, crescimento de 15% ante o mesmo período do ano passado.

Segundo dados da Anatel para o mês de março, último número divulgado, a empresa é a líder do mercado, com 29,48%, participação 2,12% menor que o mesmo mês no ano passado.