Tamanho da fonte: -A+A

Prefeituras interessadas em participar do Plano Nacional de Banda Larga (PNBL) já estão firmando parcerias com a Telebrás para compartilhamento de infraestrutura de rede.

Os municípios devem se cadastrar no site da estatal.

No acordo, a empresa usaria as redes das cidades e ofereceria acesso onde os governos não têm banda larga.

Além dos executivos municipais, provedores de internet estão sendo cadastrados para possíveis vendas de capacidade, a preços mais competitivos que os oferecidos atualmente pelas operadoras no Brasil.

O PNBL tem a meta de levar acesso rápido para 138 mil pontos de governo até 2014.

Segundo o presidente da Telebrás, Rogério Santanna, as 100 primeiras cidades devem começar a receber a banda larga em abril.