O rompimento de um cabo de  fibra ótica da Intelig entre Curitiba e São Paulo causou problemas nas chamadas de longa distância e tráfego de dados nas redes 2G e 3G de alguns dos clientes da TIM nesta quarta-feira, 18.

 
De acordo com nota a assessoria de imprensa da TIM, equipes técnicas já trabalham para restabelecimento dos serviços, previsto para às 17h. O texto não cita os motivos do rompimento ou a hora em que o problema ocorreu.
 
É a segunda falha do tipo da companhia nos últimos meses. Em novembro, uma falha em linha de transmissão prejudicou o serviço no Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná.
 
Em abril, problemas no serviço da operadora levaram o Procon-SC a determinar o fechamento das lojas da TIM por 48h. A companhia descumpriu a medida e foi multada em R$ 1 milhão.
 
A TIM é líder de mercado em Santa Catarina, onde segundo dados da Anatel de dezembro a empresa tem 38% de mercado, com a Vivo empatada com a Claro nos 20%.
 
Investimentos no RS
Em setembro, a companhia divulgou planos de investir R$ 500 milhões em infraestrutura até 2013 no Rio Grande do Sul, como uma parte de uma estratégia para dobrar o número de clientes da operadora do estado.
 
Dados da Anatel de dezembro apontaram a TIM em terceiro lugar no mercado gaúcho, com 12,76%, atrás da Vivo (42%) e Claro (32,26%) e na frente da Oi (12,07%).