A norte-americana Credigy, especializada na aquisição e administração de carteiras de créditos vencidos de clientes de diversos segmentos, garantiu a operação ininterrupta do contact center de sua operação brasileira com tecnologia Furukawa.

O projeto, assinado pela Sial Telecom, demandou investimento de R$ 345 mil e atendeu à demanda gerada pela migração do contact center, com  300 posições de atendimento (PAs), de um prédio na Av. Paulista, em São Paulo, para um novo ambiente no bairro da Barra Funda.

No novo prédio, onde foram instaladas 800 PAs e outras 200 estações de trabalho para as equipes internas, o backbone foi estruturado com cabo óptico multimodo OM3 da Furukawa, em velocidade de 10GB.

Hoje, a estrutura interliga o data center próprio da Credigy aos três andares do site da Barra Funda via cabo óptico, com velocidade de 1GB.

A infraestrutura de rede nova é 100% VoIP e está interligada ao hosting externo da companhia nos EUA e ao site da Av. Paulista, que ainda mantém as áreas internas da multinacional no Brasil.

A operação do contact center funciona 12 horas/dia, mas o sistema atua 24x7 já que, quando o call center não está ativo, a empresa realiza os processos de background do dia.

A rede da Credigy é gerenciada pelo Patch View, sistema de “patch panel inteligente” da Furukawa que permite gerir do relógio de ponto e catracas de acesso às mesas dos usuários, monitorando todas as portas individualmente.

Conforme Fabio Cipollone, diretor da Sial Telecom, o Patch View agrega um diferencial à infraestrutura instalada justamente por expandir o controle para os usuários da rede.

“É um sistema que facilita o serviço de gestão. Com ele você controla todos os racks e todas as estações de trabalho simultaneamente e vai diretamente à fonte do problema. Pode-se, inclusive, promover mudanças de layout sem impactar na operação”, observa Cipollone.