A Tivit vai migrar todos os servidores ligados a serviços de outsourcing de processos de negócios (BPO, na sigla em inglês) para dois data centers da empresa.

De acordo com a companhia, são os únicos centros de dados classe V (99,999% de disponibilidade) do Brasil.

Foram investidos R$ 8 milhões em equipamentos para a migração. Um total de 365 servidores será reduzidos a 15, por meio de um processo de virtualização. Foi adquirido também um storage de 150 TB.

O chamado Next Generation BPO conectará mais de 20 mil usuários por VoIP interligados simultaneamente aos dois data centers localizados em São Paulo e no Rio de Janeiro.

“Esse projeto trará uma confiabilidade sem igual ao mercado de BPO, uma vez que somos a única empresa do Brasil com infraestrutura tão robusta”, acredita Eduardo Quadrado, diretor de Tecnologia da área de BPO da Tivit.