A chinesa ZTE Corporation lançou um fundo de capital de risco de 100 milhões de yuans, o equivalente a cerca de US$ 15,5 milhões, voltado ao fomento da inovação entre seus 80 mil colaboradores.

O objetivo, segundo o presidente da companhia, Hou Weigui, é incentivar os funcionários a criarem ideias de investimentos para o fundo, com foco em projetos não convencionais na área de Telecom.

“Esta é parte da nossa estratégia para desenvolver novos e ousados conceitos e produtos na indústria de telecomunicações", afirma o executivo. “A inovação é uma qualidade essencial. O fundo é uma forma de criar soluções revolucionárias", complementa.

Telefónica
A ZTE não é a única da área de Telecom a investir na criação de fundo de capital para investimento em inovação: em janeiro deste ano, a Telefónica também anunciou seu fundo, porém, no caso da espanhola, os aportes não são voltados aos funcionários, mas a empresas inovadoras.

Conforme divulgado pela companhia na época, entre 20% e 30% do montante serão destinados a companhias iniciantes e de pequeno porte, modalidade conhecida como venture capital.

Os 70% a 80% restantes serão voltados ao aporte para empresas estabilizadas e que necessitam de apoio para grandes projetos.