Eduardo Aspesi

Eduardo Aspesi, ex-VP de Mercado do Grupo RBS, VP de Marketing da NET e da Vivo, acaba de assumir a diretoria de Mercado da Oi na região Sul.

O novo diretor chega em um momento de consolidação de investimentos da Oi no estado: a operadora destinou mais de R$ 560 milhões em seus três anos de atuação no mercado local, com o que chega hoje à cobertura de 80% das cidades gaúchas.

“A base de clientes em telefonia móvel cresceu mais de 15% nos primeiros nove meses deste ano. Entre as quatro principais operadoras móveis com atuação regional, apresentamos a maior evolução de market share no período”, comenta Aspesi.

Ainda segundo o novo diretor, a Oi cobre 97% da população do estado, com sinal 2G em 398 municípios, 3G em 45 cidades, incluindo todo o Litoral Norte, e 1.096 sites instalados.

A rede 3G também se estende pela Serra (Canela e Gramado), Fronteira (Alegrete, Jaguarão), Missões (Santo Ângelo) e Grande Porto Alegre – Vale do Sinos (Sapiranga), entre outras localidades.

Aspesi também destaca a cobertura móvel da operadora nas principais rodovias gaúchas, como a BR 116 (Porto Alegre – Caxias do Sul), BR 290 (Porto Alegre – Osório), RS 446/RS 122 (Bento Gonçalves – São Leopoldo), Rota do Sol (Caxias do Sul – Terra de Areia), BR 392/BR 471 (Santa Maria – Pelotas), RS 118 (Viamão – Sapucaia do Sul) e BR 386 (Canoas – Tio Hugo).

“Hoje, o cliente Oi pode falar e acessar a internet de Porto Alegre a Uruguaiana, pela BR290”, afirma o novo diretor.

Aspesi é natural de Porto Alegre e, antes das empresas já citadas, também trabalhou na Hispamar Satélites, onde foi CEO, e na própria Oi Telemar, como diretor superintendente.

Formado PUC-RS em Administração de Empresas e em Economia pela UFRGS, o executivo também tem pós-graduação pela universidade federal do estado em Finanças e em Marketing.

A Oi atua em telefonia móvel e fixa, de longa distância, comunicação de dados e Internet, com presença em todo o território nacional, onde atende a 66 milhões de clientes, conforme dados de junho deste ano.

Da base total, 41,5 milhões são de telefonia móvel, 19,4 milhões de fixa, 4,6 milhões de banda larga fixa e 334 mil de TV por assinatura.

Hoje a quarta maior operadora do Brasil, segundo dados do mês passado da Anatel, a Oi faz seu anúncio pouco mais de um mês depois da TIM também comunicar um aporte de R$ 500 milhões no estado.

Peleia!
Enquanto no nível nacional a TIM é a segunda colocada, separada da Oi pela Claro (terceira maior tele), no Rio Grande do Sul a disputa TIM vs Oi é mais acirrada.

A TIM, segue à frente da Oi no Rio Grande do Sul, mas por pouco.

Segundo dados da agência de telecomunicações, em setembro, a distância entre as duas operadoras no mercado gaúcho era de 0,58 ponto percentual, ou 78.418 clientes.

Além disso, a TIM tem anunciado promoções exclusivas par ao mercado gaúcho, numa tentativa de aumentar a sua base de usuários.