O mercado de telemarketing no Brasil deve encerrar o ano com faturamento de R$ 29,1 bilhões, com expansão de 10% na comparação com 2010.

Os dados são do Sindicato Paulista das Empresas de Telemarketing, Marketing Direto e Conexos (Sintelmark).

Em ano de 2012, a estimativa da entidade de classe é que se registre expansão de 8%, com movimento de R$ 31,4 bilhões.

Segundo o site TI Inside, somente no estado de São Paulo é esperado um aumento de 8% no número de contrações. Pelos cálculos do sindicato, no próximo ano devem ser gerados 32 mil novos postos de trabalho no estado, fazendo com que o número de profissionais passe de 400 mil para 432 mil.

Para o sindicato, o projeto de lei que regulamenta os serviços terceirizados deve contribuir positivamente para as empresas do setor, reduzindo em até 70% os problemas trabalhistas atuais e acabando com algumas instabilidades jurídicas.

Leia a matéria completa do TI Inside nos links relacionados abaixo.