Zona Franca: passe livre à produção de tablets

Cartola: 
Olho: 

As brasileiras Digibrás (do grupo CCE) e CBTD (controladora da marca Gradiente), e a panamenha Greenworld deverão investir US$ 51,2 milhões na produção de tablets no Brasil a partir de junho.

Segundo matéria publicada no site Folha.com na noite dessa quarta-feira, 25, as empresas receberam recentemente a autorização da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) para a fabricação dos modelos na região.