Junior Silva, sócio da Anapro. Foto: Divulgação.

A OLX, empresa de classificados online no Brasil, anuncia a aquisição da Anapro, plataforma de CRM e gestão de vendas focada no segmento de lançamentos imobiliários no país. 

Com a transação, a OLX reforça sua atuação no segmento de imóveis. A vertical teve alta de 50% no número de anúncios na plataforma de classificados no último ano.

"A partir dessa aquisição, ampliamos a nossa oferta de soluções para o mercado imobiliário, apoiando cada vez mais nossos clientes profissionais em toda sua jornada de vendas de forma ágil e integrada, desde a gestão ativa de seus leads até a efetivação das transações em si", afirma Marcos Leite, CCO da OLX.

A Anapro tem como clientes mais de 200 incorporadoras que atuam no mercado brasileiro e continuará operando com sua sede em São Paulo, onde conta com 50 funcionários, incluindo desenvolvedores, cientistas de dados e técnicos em big data e analytics. 

Os atuais executivos da Anapro continuarão à frente do negócio.

"Com a OLX, a Anapro vai ganhar musculatura para oferecer soluções cada vez mais completas a seus clientes, com tecnologia de ponta para a gestão de vendas online de imóveis em todo o país. Estamos certos de que a relevância da empresa no segmento de Real Estate e a sinergia que existe dos nossos negócios vai gerar ainda mais valor a toda nossa base de clientes", afirma Junior Silva, sócio da Anapro.

De acordo com o CFO da OLX, Joel Rennó Jr., a aquisição da Anapro faz parte de um plano maior de expansão da OLX no Brasil. 

"Temos uma área de investimentos e aquisições analisando ativamente diversas oportunidades de mercado com o objetivo de consolidar cada vez mais nossa posição de liderança no Brasil. A receita da OLX mais do que triplicou nos últimos três anos e esse crescimento, somado ao enorme apoio de nossos investidores, permite que tenhamos muito apetite para novas aquisições estratégicas como essa", completa o executivo.

No início deste ano, a OLX anunciou um investimento de R$ 250 milhões para o ano nas suas operações no Brasil, um aumento de 25% em relação a 2018. O valor tem foco em aumento de equipe, tecnologia e marketing.

O faturamento da empresa chegou a R$ 312 milhões em 2018, um valor 70% maior que o acumulado em 2017.

Presente no país desde 2010, a OLX conta com escritórios em São Paulo e no Rio de Janeiro, somando cerca de 600 profissionais.