Wagner Muller, CEO da Compufour.

A Compufour, uma empresa catarinense especializada em software de gestão para pequenos negócios nas áreas de varejo e serviços, acaba de ser adquirida pela Zucchetti, a maior software house da Itália, por um total de R$ 100 milhões.

Com 25 anos de mercado, a Compufour é de Concórdia, um município de 75 mil habitantes no Oeste de Santa Catarina e tem uma base de 40 mil clientes no Brasil, atendidos por 1,7 mil revendas.

A empresa tem ofertas segmentadas para micro e pequenos varejos, bares e restaurantes, prestadores de serviços e microempreendedores individuais (os famosos MEIs), além de um produto para comércio online. 

Ao todo, as empresas clientes movimentaram R$ 26 bilhões nos sistemas de gestão da Compufour.

“Com essa união iremos intensificar ainda mais nosso relacionamento com o mercado, principalmente com nossos canais de distribuição, importante engrenagem de nosso negócio e que, não por coincidência, também é uma das principais crenças da Zucchetti. Estamos bastante otimistas”, afirma o CEO da Compufour, Wagner Muller.

Muller foi um dos fundadores da empresa, quando ainda era um estudante de Sistemas da Informação na Universidade do Contestado. Em 2018, ele assumiu o cargo de CEO.

Em 2018, a Compufour com três sócios diretores deixando a empresa passou a ser comandada por Muller. A companhia e empresa trouxe executivos de mercado como Claudenir Andrade, ex-diretor de inovação da Urmet Daruma e Clóvis Bonnassis Netto, ex-gerente regional de vendas da Oi para o Sul do país.

“O Grupo Zucchetti vem expandindo significativamente seus negócios durante os últimos anos através de uma estratégia de crescimento orgânico e aquisições. Por isso, sempre estamos analisando e prospectando empresas que possam agregar valor ao nosso plano industrial de crescimento”, analisa o CEO da Zucchetti Brasil, Alessio Mainardi. 

Mainardi destaca que agora a Compufour terá acesso a novos produtos de ERP, CRM, e-commerce e automação comercial.

A Zucchetti, nova dona da Compufour, é a maior software house da Itália, com 40 anos de mercado, 6 mil funcionários, 400 mil clientes no mundo inteiro e um faturamento de 850 milhões de euros em 2019. 

A presença, no entanto, é concentrada na Europa. No Brasil, a presença da Zucchetti até agora era muito discreta para o tamanho da empresa lá fora, apesar da empresa estar há 10 anos aqui e ter 80 funcionários.

Alessio Mainardi, o CEO da Zuccheti no Brasil,e o gerente comercial, José Pedroni, residem em Mogi Mirim, em São Paulo.

Agora, com a compra da Compufour, um negócio que está entre os maiores já feitos no mercado de ERP brasileiro, a fase mineira da gigante italiana parece encerrada.