Brunno Santos.

Tamanho da fonte: -A+A

A Monday.com, uma startup israelense com uma solução de gestão workflow em alta, acaba de abrir uma operação direta no Brasil.

Em nota, a Monday.com frisa que o Brasil já está entre as 10 maiores bases de clientes da empresa, que atua em 180 países, com um total de 3,8 mil empresas (quase 4% do total) usando a ferramenta, incluindo alguns nomes grandes como Nubank, iFood e Globoplay.

A operação no Brasil ficará sob o comando de Brunno Santos, que assume a posição de Diretor de Canais. 

Santos veio do Facebook, onde foi gerente de vendas para América Latina das soluções de Workplace da rede social, um concorrente da Monday.com.

Antes, passou pela Dell e Cisco, onde atuou com vendas e canais. No Linkedin, Santos aparece como o único funcionário da empresa no país, mas ele tem reforços do Brasil.

"Temos times dedicados de localização, atendimento e treinamento para o país", afirma Santos.

A Monday.com se define como um “sistema operacional de trabalho”. A empresa oferece na nuvem uma série de funcionalidades focadas em gerenciamento de projetos, colaboração, gerenciamento de trabalho e outras.

A pandemia do coronavírus, a implementação em massa de home office e a necessidade de organizar isso foram um boom para a companhia, que triplicou seu time em 2020 para cerca de 700 funcionários.

Fundada em 2014, a Monday.com já tinha levantado US$ 234,1 milhões de fundos de investimento, e se tornou ainda mais cobiçada.

Segundo revelou a Bloomberg, a empresa está sendo avaliada no momento em US$ 2,7 bilhões, um salto de 42% nos valores de antes da pandemia.