Thiago Maffra.

Thiago Maffra, atual diretor de tecnologia e operações (CTO, na sigla em inglês), será o novo CEO da XP, a maior corretora de valores do país.

O movimento foi anunciado nesta sexta-feira, 12. Guilherme Benchimol, fundador e sócio majoritário da XP, assume a presidência-executiva do Conselho de Administração.

“Maffra e eu acreditamos que a XP precisa evoluir de um modelo em que a ‘tecnologia serve ao negócio’ para um em que a ‘tecnologia empodera o cliente, enquanto funciona para o negócio’. Esse tipo de transformação requer uma nova mentalidade”, afirma Benchimol.

O novo CEO deve cuidar da XP com responsabilidades “da porta para dentro”, enquanto Benchimol seguirá responsável pela estratégia de M&A, o relacionamento com agentes autônomos e novos negócios, explica o Brazil Journal.

O executivo de 36 anos foi contratado pela XP em fevereiro de 2015 para trabalhar como trader na área de vendas de algorítmicas e de alta frequência, um tipo de compra e venda de ações de alta velocidade, baseado em programas de computador.

Ele assumiu o cargo de CTO em setembro de 2018, quando assumiu “o processo de transformação digital da corretora”, aponta a XP em nota. No período, o time de tecnologia da empresa aumentou de tecnologia de 150 para 1,5 mil funcionários.

Entre 2017 e 2018 Maffra foi também co-fundador da XDEX, uma corretora de bitcoin que fechou as portas em 2020 (junto com meia dúzia de outros players nesse mercado).

Antes de entrar na XP, foi trader na Souza Barros, uma corretora especializada em câmbio e títulos, e na Bulltick.

Benchimol fundou a XP com Marcelo Maisonnave em 2001. A corretora se tornou a maior do país e alçou o executivo à lista de bilionários da revista americana Forbes. Em junho do ano passado, o patrimônio de Benchimol foi avaliado pela publicação em US$ 3 bilhões.