Renato Cristiano Torres, coordenador de projetos corporativos da Embrapa, foi palestrante no SAP NOW. Foto: Baguete.

A Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) está em fase de implementação, com apoio da Cast Group, do sistema de gestão S/4HANA, da SAP. A empresa pública de pesquisa é vinculada ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento do Brasil.

Por ser uma entidade pública, a Embrapa precisa de uma auditoria para o processo de implementação, que hoje é responsabilidade da Deloitte.

A adoção do sistema faz parte do Projeto Conecta, da Embrapa, que busca centralizar os dados e processos realizados em 42 unidades de pesquisa.

Com o novo ERP, empresa pretende eliminar mais de 180 sistemas que hoje estão em utilização de maneira distribuída pelas unidades.

O projeto, que terá go-live ainda em setembro, contou com mais de 150 consultores e apoio de cerca de 90 pessoas das áreas de negócio da Embrapa para desenho dos processos e testes da ferramenta.

Após a conclusão do projeto, o S/4HANA vai atingir aproximadamente 8 mil colaboradores da companhia.

“O go-live é o primeiro passo de um projeto de longo prazo para levar a transformação digital para a Embrapa. A empresa vai trabalhar para, em três anos, conseguir aproveitar o potencial total da plataforma, para depois criar novos projetos com novas tecnologias”, relata Renato Cristiano Torres, coordenador de projetos corporativos da Embrapa, que apresentou o projeto durante o SAP NOW, realizado em São Paulo.

Em 2023, a empresa planeja utilizar tecnologias habilitadoras para incentivar a inovação, consolidar o modelo de gestão integrada e desenvolver projetos com tecnologias em nuvem e virtualização.

Fundada em 1973, a Embrapa tem o desafio de desenvolver, em conjunto parceiros do Sistema Nacional de Pesquisa Agropecuária (SNPA), um modelo de agricultura e pecuária tropical genuinamente brasileiro, superando barreiras que limitavam a produção de alimentos, fibras e energia no país.

A Cast Group, responsável pela implementação na Embrapa, atua em todo o Brasil, com mais de 2,5 mil colaboradores e 15 escritórios, além de uma fábrica de software e outra de painéis e eletrocentros.

Hoje, a empresa tem mais de 320 clientes e atende a nomes como Banco do Brasil, Cielo, Cervejaria Petrópolis, Renault, Randon, Nissan, Usiminas, Colgate Palmolive, Lojas Marisa, Votorantim, Vale e DrogaRaia.

*Júlia Merker cobriu o SAP NOW, em São Paulo, a convite da SAP.