MÍDIA

Genesini vira sócio do Meio

05/04/2022 12:47

Ex-CEO da Oracle do Brasil aposta em startup de jornalismo. 

Silvio Genesini. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

Silvio Genesini, ex-CEO da Oracle Brasil, acaba de entrar como sócio do Meio, uma startup de comunicação dona de uma popular newsletter diária e programas no YouTube.

A entrada do executivo fez parte de um aporte de R$ 5 milhões na empresa, da qual também participou Tony de Marco, que já atuava na companhia como diretor de arte.

Não foram abertas as participações de cada um. Marco é um profissional bem sucedido no meio de design e tipografia, mas parece seguro supor que a maior parte do capital veio de Genesini.

Genesini fez carreira na Accenture, onde atuou por 26 anos, antes de assumir o comando da Oracle no Brasil em 2004.

O executivo tem experiência na área de mídia, tendo sido presidente do Estado de São Paulo, um dos jornais mais tradicionais do país, e membro do conselho de administração da Elemídia, empresa de mídia out of home (as telinhas que o sujeito vê no elevador).

“Depois de ter passado pelo Estadão e pela Elemidia, meu sonho era ajudar a inventar a forma de construir o futuro multiplataforma da imprensa — do texto, ao áudio e vídeo, e depois ao metaverso. Este é o plano para o Meio”, afirma Genesini.

Fundado em 2016, por Pedro Doria (editor-chefe) e Vitor Conceição (CEO), o Meio rapidamente se consolidou como uma das principais newsletters do jornalismo brasileiro, com 140 mil assinantes. No YouTube, o Meio passa dos 100 mil inscritos.

“Esta segunda rodada de investimento do Meio nos põe par a par com as principais startups do setor. Vai nos permitir criar novos produtos jornalísticos voltados para os hábitos digitais que as pessoas já criaram”, afirma Dória, um jornalista conhecido que foi editor no Estadão no período em que Genesini era presidente. 

A startup jornalística já havia captado R$ 1 milhão, em 2016, quando o projeto foi lançado no mercado.

O principal formato do Meio é a newsletter, um formato que já está em circulação há mais de 20 anos (o próprio Baguete Diário, outra potência da mídia, foi uma das primeiras newsletters do país, no final dos anos 90). 

Nos últimos anos, a newsletter está passando por um revival, como uma forma de lançar novos produtos jornalísticos em um formato com menos investimento e menos dependente de divulgação por redes sociais.

Atualmente, a Substack, plataforma especializada no envio de newsletters, tem mais de 250 mil assinantes e foi avaliada em US$ 650 milhões. 

A Morning Brew, uma das principais newsletters do mundo, sediada em Nova York, com produtos direcionados para economia e tecnologia, acaba de ultrapassar a marca de 4 milhões de assinantes.

Veja também

NOMES
Sapateiro, ex-Salesforce, está na Zendesk

Mais um reforço. Executivo passou por cargos de diretoria na Oracle e Gartner. 

MALHAÇÃO
Smart Fit faz go live de ERP da Oracle

Projeto também tem um lado fiscal, entregue pela Synchro Cloud.

DECISÕES
SAP: hora de sair de vez da Rússia?

Governo da Ucrânia pressiona gigante de software a tomar ações duras contra clientes russos.

TICKETS
UOL compra Ingresso.com

A empresa era da Fandango Media desde 2015, quando foi comprada por R$ 280 milhões.

TENDÊNCIAS
Atendente virtual da TIM usa linguagem neutra

Script do robô passou por 90 modificações para evitar palavras com “teor masculino”.

FUTURO
Guilherme Stefanini é o CEO da Gauge

Filho do fundador da Stefanini está ganhando mais destaque dentro da empresa.