Fábio Costa, líder de tecnologia e desenvolvimento da Printi. Foto: Divulgação.

A Printi, gráfica online, contratou a Rivendel, empresa adquirida pela Mandic Cloud Solutions para modernizar sua infraestrutura tecnológica.

A empresa realizou a migração do seu ambiente para a nuvem da Amazon Web Services (AWS).

Fundada em 2012, a Printi tem na tecnologia o seu diferencial competitivo, já que todas as máquinas de impressão estão conectadas à internet e a rede também é o seu principal canal de vendas. 

Na loja online, o próprio cliente customiza seu pedido de produtos como cartão de visita, caneta e camiseta - que é enviado automaticamente para a impressora, sem interação humana.

Anteriormente, a Printi não possuía um ambiente escalável e em situações com um grande número de visitas, o ambiente corria risco de indisponibilidade, podendo afetar também os processos de impressão. 

A Print, que faturou mais de R$ 100 milhões em 2017, planeja passar dos R$ 200 milhões neste ano. 

“A parceria com a Mandic Cloud e Rivendel nos mostrou que poderíamos evoluir a infraestrutura de TI, incluindo o nosso e-commerce. E como estamos em processo de expansão no Brasil e nos Estados Unidos, contar uma plataforma estável e escalável é essencial para termos uma base sólida que sustente esse plano de crescimento”, afirma Fábio Costa, líder de tecnologia e desenvolvimento da Printi.

O projeto de migração da Printi durou três meses e terminou em setembro de 2017, a tempo de entregar uma estrutura estável para a Black Friday. 

A primeira etapa foi focada na análise do ambiente, seu funcionamento e capacidade de acesso e, a partir disso, foi desenvolvida uma arquitetura que permite que novas aplicações sejam colocadas em um servidor também novo e não mais nos que já existem.

A Mandic Cloud optou por manter o funcionamento do ambiente em nuvem na AWS, na região de São Paulo, porém criou uma nova estrutura na região da Virgínia, nos Estados Unidos. 

Para o futuro, está prevista uma nova arquitetura para o sistema interno, que vai melhorar gestão da produção e gerar mais negócios.

“O projeto com a Printi comprova a nossa capacidade de entregas complexas com prazo curto e sem paralisar a operação do cliente. Outro ponto é que a empresa tem uma essência inovadora, assim como nós, e esteve sempre a aberta para desenvolver iniciativas em conjunto, com isso ambos lados ganharam”, finaliza Rodolpho Cacioli, especialista da Mandic Cloud Solutions.

Antes da aquisição pela Mandic, a Rivendel já atendia 100 clientes, incluindo nomes como Nextel, CVC, Natura e Nubank.

Com sede em São Paulo, a Mandic tem filiais em Curitiba, Porto Alegre e Rio de Janeiro. A empresa tem 13 mil clientes, 6 mil servidores, mais de 1 milhão de contas de e-mails e 200 profissionais especialistas em cloud computing.