INVESTIMENTOS

Startups do Cubo Itaú captam R$ 3 bi em 2021

31/03/2022 14:23

Dentre as que estão em fase de fomento, o aumento dos aportes foi superior a 60%.

Renata Zanuto, co-head do Cubo Itaú. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

As startups do Cubo Itaú, hub de fomento ao empreendedorismo tecnológico do banco, receberam mais de R$ 3 bilhões em aportes em 2021.

Os investimentos foram feitos em formatos diversos, como corporate venture capital, fusões e aquisições, plug-and-play e prova de conceito (PoC).

Dentre as que estão em fase de fomento, o aumento dos aportes foi superior a 60% se comparado com o ano anterior, passando a marca de R$ 1,6 bilhão. 

Neste cenário, destaca-se a Beer or Coffee, que conecta empresas com posições disponíveis em coworkings no modelo pay-per-use. A startup levantou US$ 10 milhões (cerca de R$ 55 milhões).

Já a Niduu, especializada em soluções para treinar colaboradores de companhias, foi adquirida pela Gupy, uma das HR techs de maior destaque no mercado. O valor da transação não foi revelado.

“Casos como este da Niduu, de startups adquirindo startups, devem ser cada vez mais comuns, uma vez que temos visto um grande volume de aportes sendo feitos. Não à toa o ano de 2021 bateu recordes”, salienta Renata Zanuto, co-head do Cubo Itaú.

Segundo a executiva, observar esse movimento é interessante porque muitos desses fundadores voltam a fomentar a cadeia, seja criando outras empresas ou fazendo mentorias, investimentos e demais atividades de estímulo ao mercado.

Em julho de 2021, a organização, junto a Corteva Agriscience, São Martinho e Itaú BBA, anunciou a criação do Cubro Agro, um novo hub para fomentar o desenvolvimento de agtechs. Em seis meses de atuação, houve um aumento de 133% no número de agtechs da comunidade.

Inaugurado em 2015 pelo Itaú Unibanco em parceria com a Redpoint eventures, o Cubo Itaú tem mais de 300 startups de 20 segmentos no seu portfólio.

Entre os mantenedores, estão Dasa, VLI, Corteva, São Martinho, Itaú BBA, CNH Industrial, ConectCar, iCarros, Bike Itaú, vec Itaú, Wilson Sons, Saint-Gobain, TIM, Stellantis, Vivest, NTT Data Brasil, Wayra Brasil e BID Lab.

Também participam do ecossistema Accenture Digital, Liga Ventures, Anjos do Brasil, Gama Academy, Abstartups, BR Angels, Darwin, Numerik, Forge 3D, CI&T, The Venture City, Albrecht & Prado Advogados. 

Veja também

INOVAÇÃO
Lojas Renner cria fundo de R$ 155 milhões

Varejista quer investir em startups com tecnologia para varejo.

INCENTIVO
Suzano investe R$ 5 milhões no WE Ventures

Fundo desenvolvido pela Microsoft é focado no empreendedorismo feminino.

CVC
Multilaser vai investir R$ 200 mi em startups

Fundo criado com a Bertha Capital terá foco em fintechs, retailtechs e logtechs.

HRTECH
Sólides levanta R$ 530 milhões

A rodada série B foi promovida pela gestora de private equity Warburg Pincus.

APORTE
Poli Angels investe R$ 3 mi em 2021, alta de 50%

Grupo de investidores fundado por ex-alunos da USP apostou em seis empresas no período.

AÇÃO
Astella tem ação focada em RH

Fundo traz Ana Rezende, ex-RD Station, para desenvolver lideranças em startups.