A IDC divulga um estudo sobre o comportamento dos usuários de TI na América Latina e quais são os conteúdos mais procurados por eles na hora de obter informações sobre determinado produto ou serviço.

No ranking, cases de sucesso apresentados por fabricantes vêm em primeiro lugar, com 60,31%.

“Hoje esse tipo de conteúdo é crucial para qualquer estratégia de B2B Marketing. É importantíssimo que as companhias saibam o que está sendo buscado”, declara Luciana Sario, gerente de Marketing da IDC América Latina.

Segundo a analista, a preferência por conferir informações sobre produtos e serviços em formato “case” é ainda mais evidente em alguns países, como a Venezuela, onde o índice de preferência é de 68,75%; e Chile e México, onde fica com 56%.

Em segundo lugar na pesquisa de preferências por fontes de informações vem a análise de mercado, com 29,29% em toda a América Latina.

O Brasil é líder nesse assunto, com 37,5%, seguido por Chile e Venezuela, com 30% cada. Argentina e México ficam com os 25% restantes.

Já os guias de produtos e serviços ocupam o terceiro lugar no ranking, com 21,77% das preferências. Em seguida, vêm as entrevistas realizadas com analistas ou especialistas, com 21,31%; e as entrevistas com executivos de renome, com 20%.

“A pesquisa releva que os conteúdos procurados e utilizados no mercado de TI servem como ferramentas para acompanhar um ciclo que muitas vezes envolve compra e entrega de resultados em momentos oportunos”, destaca Luciana. “Para obter melhor rendimento, é necessário conhecer o que cada usuário precisa e oferecer o conteúdo de acordo”, completa.