DIVERSIDADE

Itaú quer 40 desenvolvedores trans

24/08/2021 10:18

Aprovados no processo serão contratados e terão programa médico especial.

Anúncio do Itaú. Foto: Divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

O Itaú está procurando 40 desenvolvedores transgêneros para ingressar em um curso imersivo em programação Java e .Net visando ser contratados pelo banco.

Os candidatos (ou pessoas trans, na linguagem neutra do comunicado do banco) serão parte de uma turma composta exclusivamente por transgêneros, uma iniciativa inédita na empresa, e, de acordo com o Itaú, no setor financeiro como um todo.

O programa terá alguns diferenciais em relação a um programa habitual, como por exemplo o acompanhamento e apoio psicológico, psiquiátrico e endócrino para as pessoas que estão em transição hormonal ou que têm interesse em iniciar a transição.

A formação acontece com apoio da Educatransforma, uma ONG focada na inclusão de transgêneros no mercado de tecnologia, que já desenvolveu programas na Zenvia, ThoughtWorks e SAP, entre outras empresas.

“Proporcionar conhecimento para quem deseja aprender e se especializar nessa área é um ganho social e dobramos esse ganho quando temos a oportunidade de estimular a visibilidade, segurança e respeito às pessoas trans”, comenta Moisés Nascimento, CDO do Itaú.

As inscrições podem ser feitas até 2 de setembro e o início dessa turma está previsto para o dia 18 de outubro. 

Para participar do Bootcamp Itaú Devs exclusivo para pessoas trans é preciso ser maior de 18 anos, ter disponibilidade para trabalhar em tempo integral (8 horas diárias) e possuir conhecimento em raciocínio lógico. Não será avaliado curso superior ou experiência profissional em tech.

Durante as 5 primeiras semanas, haverá um programa de formação com conteúdo imersivo em AWS e nas linguagens de programação Java ou .Net. 

Veja também

TRABALHO
Google: cortes de até 25% do salário no home office

Nos Estados Unidos, Facebook e Twitter também fizeram reduções. Será que essa moda pega no Brasil?

VAGAS
XP forma 300 com Trybe

Corretora está oferecendo curso de desenvolvimento de software para contratar profissionais.

PESSOAS
Plusoft agora tem CHXO

Cargo de Valéria Borges foi criado para liderar o novo RH da empresa, que agora se chama HX.

CAUSAS
Salesforce patrocina Marcha do Orgulho Trans em SP

É a primeira vez que a empresa apoia uma marcha trans no mundo.

MÃO DE OBRA
DIO terá semana para recrutar 1 mil

A startup vai reunir empresas em busca de desenvolvedores. Interessadas em contratar já podem se inscrever.

LEIS
Grandes de TI defendem gays na publicidade

Microsoft, IBM e Intel se manifestaram por meio do Fórum de Empresas e Direitos LGBTI+.