A AMcom, empresa de serviços de TI sediada em Blumenau, acaba de inaugurar uma nova sede. Foto: Divulgação.

A AMcom, empresa de serviços de TI sediada em Blumenau, acaba de inaugurar uma nova sede na cidade catarinense. Para a construção e abertura do espaço, o investimento foi de R$ 5 milhões.

Com 4 mil metros quadrados construídos, além de 8 mil metros disponíveis para ampliação, a sede tem capacidade hoje para 400 colaboradores. Por enquanto, 220 pessoas ocupam o espaço. Somados outros profissionais alocados em clientes, a companhia tem cerca de 300 funcionários.

A nova sede foi construída no modelo de espaços abertos e com ambientes de descontração e descanso, seguindo a linha do Vale do Silício cada vez mais adotada por empresas de tecnologia também no Brasil. 

O arquiteto responsável pelo projeto, Guilherme Moki, também já trabalhou na criação de escritórios para empresas como Google, Chaordic, Resultados Digitais e GE.

“É um local corporativo, mas sem estruturas burocráticas. Por isso os profissionais sentem-se mais à vontade para interagir, o que fortalece o crescimento pessoal e, consequentemente, da empresa como um todo”, explica Marcelo Furtado, CEO da AMcom.

O ambiente reúne áreas como bar, lounge, arquibancada para apresentações, cabines para reuniões, mesa de sinuca e uma sala de cochilo inspirada nos hotéis cápsula, populares no Japão. 

“A sede anterior ficava dividida em cinco andares, o que prejudicava a interação e colaboração entre as equipes. Com a mudança, até mesmo o número de e-mails internos diminuiu, pelo acesso fácil a todos os colegas no ambiente”, relata Furtado.

A nova estrutura também inspirou mudanças na cultura da empresa, que agora permite flexibilidade de horários. A sede fica aberta entre 6h e 22h, para que os colaboradores possam atuar de acordo com sua preferência de horário.

Com os ambientes como espaço de descanso e jogos, a empresa espera criar uma relação de confiança com a equipe, que tem liberdade para utilizar todos os ambientes em qualquer horário. 

Esse objetivo também é relacionado ao comércio de confiança, que oferece opções de alimentação na copa da empresa sem uma pessoa que cobre pelos produtos. Após escolher sua marmita ou lanche, o colaborador deposita o pagamento em uma caixa aberta para todos, sem fiscalização.

Com 21 anos de mercado, a AMcom é especializada em desenvolvimento customizado, sustentação de sistemas, alocação e consultoria. 

Hoje, os segmentos de desenvolvimento e sustentação são responsáveis por 60% da receita da companhia, enquanto alocação e consultoria somam 40% do faturamento.

A AMcom atende a nomes como Bunge, Brandili, Cecred, Dudalina, Embraco, Hering, Infraero, Philips, Jequiti Cosméticos, Tigre e Senac. A companhia tem 200 clientes ativos.

Com receita de R$ 50 milhões, a AMcom espera chegar a R$ 100 milhões em faturamento até 2020. Depois, o objetivo é buscar aquisições para alcançar valor de R$ 1 bilhão em 2029.