EDUCAÇÃO

Uninove e Vivo oferecem internet gratuita

28/04/2020 15:09

Alunos da universidade terão 5GB de dados móveis para continuar os estudos on-line. 

Universidade tem mais de 150 polos espalhados pelo Brasil. Foto: divulgação.

Tamanho da fonte: -A+A

A Universidade Nove de Julho (UNINOVE) e a Vivo Empresas, segmento corporativo da operadora, vão oferecer 5GB gratuitos de internet móvel para os professores e alunos dos cursos presenciais da instituição durante o período de distanciamento social.

Com a pandemia do coronavírus, a universidade vem realizando as aulas ao vivo pela internet, além de disponibilizar os conteúdos acadêmicos e materiais de apoio em ambiente digital.

"A UNINOVE ampliou seus investimentos em tecnologia para que seus alunos permaneçam com acesso às aulas, em tempo real, ministradas pelos professores", ressalta Renata Mahfuz Daud Gallotti, diretora dos cursos de medicina da universidade.

As duas empresas não chegaram a dar detalhes sobre o funcionamento da parceria em termos de valores desembolsados.

Para otimizar a conectividade, a Universidade terá em mãos o Vivo Gestão, ferramenta que permite o gerenciamento remoto dos dados, assegurando que o uso da internet seja apenas para o propósito da educação.

"Nossa parceria proporcionará que os milhares de alunos da Uninove contem com a melhor tecnologia de conexão móvel do país, mantendo em dia seus cronogramas de estudos”, afirma Gabriel Domingos, diretor de marketing e produtos core B2B da Vivo.

A Estácio, instituição de ensino com sede no Rio de Janeiro, anunciou recentemente uma parceria parecida com a TIM para oferecer planos de internet para os alunos que agora têm aulas pela internet. Neste caso, o custo final para os estudantes não foi revelado.

Atuando há mais de 60 anos, a Uninove tem mais de 200 cursos de graduação, especialização, MBA e extensão, nas modalidades presencial, semipresencial e EAD.

Com sede em São Paulo, a universidade também oferece 21 cursos de doutorado e mestrado, além de ter mais de 100 grupos de pesquisa. São mais de 150 polos espalhados pelo Brasil.

Já a Vivo, adquirida pela Telefónica em 2010, conecta cerca de 357,5 milhões de acessos à internet e telefonia móvel e fixa, além da TV por assinatura.

Veja também

CURSOS
Tivit libera acesso a cursos de tecnologia

Plataforma Courselog, desenvolvida pelo DOT Digital Group, ficará disponível até 30 de julho.

CONEXÃO
Estácio incentiva aulas com internet da TIM

Os mais de 570 mil alunos terão acesso a oferta de 4.5G por três meses durante o distanciamento social.

CRISE
Empresários criam fundo de empréstimo para PMEs

Estímulo 2020 já conta com pelo menos 17 comprometidos a colaborar com R$ 20 milhões.

FORMAÇÃO
Santander oferece 480 bolsas para programação

Programa tem cursos para Java e mobile. RH do banco vai selecionar participantes que se destacarem.

HABLAR
Estudar espanhol online: é um excelente recurso para encurtar distâncias

Pandemia abre uma oportunidade para fazer cursos de idiomas na Internet.

EDUCAÇÃO
São Paulo paga auxílio merenda com PicPay

Serão mais de R$ 80 milhões para a alimentação de 32 mil estudantes durante pelo menos dois meses.

CIÊNCIA
UCS inicia produção de grafeno

Serão até 500 kg produzidos ao ano com possibilidade de ampliação para 5 mil kg anuais.

CAPACITAÇÃO
Dell oferece 2 mil vagas para cursos on-line gratuitos

São 13 opções de treinamentos nas áreas de TI e negócios. Inscrições vão até  27 de abril.

PORTO ALEGRE
UFRGS, PUCRS e Unisinos suspendem aulas por coronavírus

As principais universidades da capital gaúcha pretendem retomar as atividades em abril.

PESQUISA
NLT tem programa com UFPB

Objetivo é investigar tecnologias para aplicações de IoT e a sua integração com serviços web.