Bernardo Gomes, diretor presidente da Sinqia. Foto: Divulgação.

A Sinqia (empresa de tecnologia para o setor financeiro chamada até o ano passado de Senior Solution) firmou um acordo para adquirir a Softpar, fornecedora de software para bancos, financeiras e agências de fomento. 

O preço de aquisição inicial será de R$ 32 milhões, composto por uma parcela à vista de R$ 18 milhões e uma parcela a prazo de R$ 14 milhões, a ser paga em 5 prestações anuais a partir do próximo ano.

Esta é a décima terceira aquisição da Sinqia, sendo a quarta realizada nos últimos 7 meses. O novo negócio é o segundo maior da história da empresa.

De acordo com Bernardo Gomes, diretor presidente da Sinqia, o motivo principal para a aquisição foi ampliar o portfólio da plataforma Sinqia Bancos. 

A compra da Softpar acrescenta suítes para compras, contas a pagar e receber, leasing e risco. O sistema oferece também suítes para conta corrente, crédito e investimentos, entre outras. 

Além disso, a Softpar soma uma solução para gestão eletrônica de documentos em todas as verticais atendidas pela empresa. 

“Nossos clientes que querem substituir o papel por documentação digital na nuvem demandam esse tipo de produto”, complementa Gomes.

Em 2018, a Softpar apresentou receita bruta de R$ 18,2 milhões. O preço de aquisição, de R$ 32 milhões, pode ser acrescido de uma parcela adicional de até R$ 6 milhões sujeita ao atingimento de uma meta de receita. 

A empresa conta com mais de 25 clientes e 100 colaboradores. O escritório da Softpar, localizado em Curitiba, passa a atuar como uma nova unidade da Sinqia.

“Durante os últimos 7 meses realizamos 4 aquisições, cumprindo nosso compromisso com a aceleração do crescimento. Vamos nos dedicar às integrações para continuar a capturar sinergias e aumentar a lucratividade. Também continuaremos prospectando as próximas transações”, conclui o diretor presidente.

Em março, a Sinqia firmou um acordo para a aquisição da ADSPrev, fornecedora de software para entidades de previdência, por R$ 14 milhões.

Também em 2019, a empresa comprou a Atena Tecnologia por R$ 9 milhões.

Já em outubro de 2018, a companhia anunciou a aquisição da ConsultBrasil, fornecedora de software para os segmentos de bancos, financeiras, corretoras e distribuidoras. A companhia foi comprada por R$ 6,8 milhões, incluindo dívidas.

Dois anos antes, a empresa realizou a aquisição da Att/PS, a maior compra de sua história. O valor inicial do negócio foi de R$ 50 milhões.

A Sinqia fechou o ano de 2018 com receita líquida de R$ 142,1 milhões, o que representou um aumento de 5,3% em relação ao resultado de 2017. Esse foi o 14º ano consecutivo de crescimento da empresa.

Desde a mudança de nome, em dezembro de 2018, a Sinqia também decidiu renomear todo o seu portfólio de produtos, oriundo das diversas aquisições. A companhia atua hoje com algumas marcas de softwares (Sinqia Bancos, Sinqia Fundos, Sinqia Previdência e Sinqia Consórcios) e duas de serviços (Sinqia Outsourcing e Sinqia Consulting).