A HostDime investiu R$ 50 milhões para contar com um data center no Nordeste. Foto: Divulgação.

A HostDime investiu R$ 50 milhões para contar com um data center especializado em armazenamento de sistemas críticos no Nordeste. O novo prédio está instalado em João Pessoa.

O empreendimento é o segundo do tipo a ser certificado pela Uptime Institute como de Tier III na região. O primeiro foi o data center da Ascenty, em Fortaleza.

A HostDime foi fundada em 2001, nos Estados Unidos, e hoje opera em 13 países. A companhia chegou ao Brasil em 2006, quando abriu sua primeira unidade internacional.

No entanto, esse é o primeiro data center próprio da companhia no Brasil. Até então, a empresa operava nos data centers da Equinix (Tamboré) e Level 3 (Cotia).

O objetivo da companhia com o novo data center é melhorar o serviço de armazenagem para empresas que operam no Nordeste. 

"Na hora de hospedar um e-mail ou o próprio site da empresa, não faz muita diferença o lugar. No entanto, quando falamos de ERPs, sistemas de compras e outras aplicações corporativas, a proximidade é um fator determinante da eficiência do uso", explica Renan Hannouche, diretor de soluções digitais da HostDime no Brasil.

No data center nordestino, a meta é oferecer uma latência - ou seja, tempo de resposta - máxima de 10 milissegundos. João Pessoa foi escolhida como sede para atingir esse objetivo, por ter uma localização central na região. 

Além disso, a HostDime firmou uma parceria com a Tely, empresa de telecomunicações local, para oferecer um anel de fibra ótica com dupla abordagem – um salvaguarda para garantir a segurança e a velocidade da transmissão dos dados entre os clientes e o centro de dados.

A empresa está há 13 anos no mercado e tem presença nos estados da Paraíba, Rio Grande do Norte e Pernambuco, Ceará e Alagoas.

“Nosso data center certificado, assim como a rede de fibra ótica interligando os estados do Nordeste, possibilitam o atendimento de todas as necessidades de infraestrutura de TI de empresas que buscam qualidade e segurança no armazenamento e conectividade de seus dados”, explica Filipe Mendes, CEO da HostDime no Brasil.

Por enquanto, um dos dois andares do novo empreendimento está funcionando. 

“Ali, 40% da capacidade já foi alocada e a perspectiva é atingir ocupação máxima até meados de 2018”, completa Mendes.

Hoje, 70% dos clientes da HostDime estão no Sul e no Sudeste. Com a nova operação, a empresa espera que o contato local impulsione os negócios no nordeste.

A companhia conta com 60 funcionários atuando em São Paulo e João Pessoa.