iFood agora é controlada pela Movile. Foto: divulgação.

A Warehouse Investimentos, gestora nacional de venture capital anunciou a venda de sua parte da iFood, empresa de delivery de comida online, para a Movile. O valor da venda não foi aberto.

Com essa aquisição, a Movile se torna acionista majoritária do iFood. A empresa paulista já havia investido R$ 5 milhões na plataforma fevereiro deste ano.

Desde que a Movile se tornou acionista da iFood, a ferramenta triplicou a sua quantidade de entregas anuais, chegando a 3,5 milhões. Cerca de 60% dos pedidos de comida no iFood são feitos via celular – antes da entrada da Movile eram apenas 7%.

Atualmente, contando com mais de 3 mil restaurantes ativos em mais de 20 das principais cidades economicamente ativas do País, o iFood registra 200 mil pedidos mensais.

De acordo com o sócio e CEO da Warehouse Investimentos, Moises Herszenhorn,  a proximidade com os empreendedores foi um dos principais motivos para a forte valorização do iFood.

“Colaboramos para o iFood crescer durante quase três anos com soluções em controladoria, contabilidade e recursos humanos, as quais foram fundamentais para a expansão e consolidação da marca”, explica.

Recentemente a Movile recebeu um aporte de R$ 125 milhões em uma nova rodada de investimento liderada pelo fundo Innova Capital, responsável por R$ 80 milhões. Os R$ 45 milhões restantes foram provenientes da Finep, agência do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação.

O objetivo do aporte é acelerar a expansão da empresa em serviços de m-commerce dentro do conceito Online2Offline (O2O). Isso significa vender um bem físico através de um meio digital, como o celular.

Atualmente, a Movile possui cerca de 400 colaboradores e está conectada a mais de 40 operadoras de telefonia celular que possuem, em conjunto, mais de 700 milhões de assinantes. Mais de 30 milhões de pessoas utilizam os produtos e serviços da Movile todo mês.